Modos Gregos no Baixo

Aqui vamos te mostrar como funcionam os shapes dos Modos Gregos no Baixo e para que eles servem. Modos Gregos são Modos Gregos em qualquer instrumento. O que confunde a gente é que somos acostumados a decorar shapes em instrumentos de corda.

Como já abordamos o tema no post “O segredo por trás dos Modos Gregos“, hoje vamos direto ao ponto:

Lembrando que, quando desenhamos o braço do contrabaixo, ele deve ser lido de ponta cabeça e da esquerda para a direita:

Modos Gregos no Baixo
Como ler o braço do contrabaixo

Campo Harmônico

É, praticamente, impossível falar sobre modos gregos sem falar sobre campo harmônico. Cada modo tem sua função no campo harmônico, assim como cada acorde.

O campo harmônico é dividido em graus, e para cada grau do campo harmônico, temos um modo grego. Existem 7 acordes dentro de um campo harmônico, e cada um dos modos representa um acorde.

  • Primeiro Grau: Modo Jônio (Acorde maior com Sétima maior)
  • Segundo Grau: Modo Dórico (Acorde menor com Sétima)
  • Terceiro Grau: Modo Frígio (Acorde menor com Sétima)
  • Quarto Grau: Modo Lídio (Acorde maior com Sétima maior)
  • Quinto Grau: Modo Mixolídio (Acorde Maior com Sétima)
  • Sexto Grau: Modo Eólio (Acorde menor com Sétima)
  • Sétimo Grau: Modo Lócrio (Acorde menor com Sétima e quinta bemol)

Grau (acorde)

Primeiro Grau – Fmaj7
Segundo Grau – Gm7
Terceiro Grau – Am7
Quarto Grau – Bbmaj7
Quinto Grau – C7
Sexto Grau – Dm7
Sétimo Grau – Em7(b5)

Modo (escala)

Modo Jônio – Fmaj7
Modo Dórico – Gm7
Modo Frígio – Am7
Modo Lídio – Bbmaj7
Modo Mixolídio – C7
Modo Eólio – Dm7
Modo Lócrio – Em7(b5)

Acordes maiores

Dentro do campo harmônico temos 3 acordes maiores que são diferentes um do outro apesar de soarem iguais como tríade.

Exemplo:

Repare como, por mais que o desenho mude, as tônicas, terças e quintas estão sempre no mesmo lugar:

Tônica Campo Harmônico Tônica

Guia Terça Terça

Guia Quinta Quinta

Guia Outras Outras notas do campo

Tríade Maior Modo Jônio
Modo Jônio
Tríade Maior Modo Lídio
Modo Lídio
Tríade Maior Modo Mixolídio
Modo Mixolídio
Modos Maiores

Visualizando no braço

Abaixo, temos, de forma simplificada, onde estão localizados os modos maiores no braço do contrabaixo dentro do campo harmônico de Fá.

Modo Jônio - Campo Harmônico de Fá
Modo Jônio no Campo Harmônico de Fá
Modo Lídio - Campo Harmônico de Fá
Modo Lídio no Campo Harmônico de Fá
Modo Mixolídio - Campo Harmônico de Fá
Modo Mixolídio no Campo Harmônico de Fá

O pulo do gato

Repare que, no final do modo Lócrio já estamos fazendo o começo do shape do modo Jônio.

O segredo dos modos gregos no Baixo
Identificando as repetições dos modos gregos

E essa repetição, nós temos em todos os desenhos. O final de um modo, sempre será o começo de outro modo, assim como o meio, e todas as outras notas. Um desenho liga no outro.

Modos gregos no Baixo (campo harmônico de Fá)

Abaixo temos, todos os Shapes dos modos gregos dentro do campo harmônico de Fá da forma que eles devem ser visualizados, cada um representando um acorde com uma sonoridade específica.

Jônio – Fmaj7

Shape modo Jônio
Sonoridade do modo Jônio

Dórico – Gm7

Modo Dórico no Campo Harmônico de Fá
Modo Dórico
Sonoridade do modo Dórico

Frígio – Am7

Modo Frígio no Campo Harmônico de Fá
Modo Frígio
Sonoridade do modo Frígio

Lídio – Bbmaj7

Modo Lídio no Campo Harmônico de Fá
Modo Lídio
Sonoridade do modo Lídio

Mixolídio – C7

Modo Mixolídio no Campo Harmônico de Fá
Modo Mixolídio
Sonoridade do modo Mixolídio

Eólio – Dm7

Modo Eólio no Campo Harmônico de Fá
Modo Eólio
Sonoridade do modo Eólio

Lócrio – Em7(b5)

Modo Lócrio no Campo Harmônico de Fá
Modo Lócrio
Sonoridade do modo Lócrio

O outro pulo do gato

Além da repetição horizontal, existe uma regrinha vertical que também se repete.

Note que, o padrão de repetição é o mesmo. Temos, em sequência, os 3 modos maiores um em baixo do outro: Mixolídio, Jônio e Lídio. Logo depois, o modo Lócrio e Frígio, que começam exatamente iguais. E, para completar o looping, o modo Eólio e Dórico.

A partir do momento que você para de pensar nos modos como itens separados, você começa a enxergar tudo como peças dependentes umas das outras, e aí tudo fica mais claro.

O segredo dos modos gregos no baixo
Regra da repetição

Entendendo que os modos se repetem tanto na horizontal, quanto na vertical, começamos a enxergar cada vez mais padrões. Vou usar como exemplo o Mixolídio:

O segredo dos modos gregos no baixo
Identificando o início do Mixolídio no campo harmônico de Fá
Modos gregos no braço do contrabaixo
Encontrando mais repetições ainda

E assim como encontramos o Shape do Mixolídio em várias regiões dentro do Campo Harmônico de Fá, você pode encontrar outros Shapes como exercício de mapeamento do braço.

E caso você queira praticar, use o nosso Backing Track para memorização dos Shapes dos Modos Gregos:

Exercício no campo harmônico de Fá para decorar os Modos Gregos


Se o post te ajudou, não esqueça de seguir a @faritmica no insta ou na sua rede social favorita.

Aqui vamos te mostrar como funcionam os shapes dos Modos Gregos no Baixo e para que eles servem. Modos Gregos são Modos Gregos em qualquer instrumento. O que confunde a gente é que somos acostumados a decorar shapes em instrumentos de corda. Como já abordamos o tema no post “O segredo por trás dos Modos…

Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.